Poiesis Bruscky | Paulo Bruscky

Adolfo Montejo Navas (org.) | 2014

Poiesis Bruscky percorre cinco décadas da carreira do artista conceitual Paulo Bruscky, nascido no Recife em 1949. Na década de 1960, e durante todo o período de ditadura militar, Bruscky fez uso de arte postal, colagem, livros de artista, poesia visual e intervenções de jornal para lançar suas críticas – muitas vezes bem-humoradas – sobre a situação política do Brasil. Conhecido por suas corajosas performances de cunho político (que muitas vezes o colocaram em conflito direto com a lei ou as autoridades militares), bem como pela escultura, arte sonora e arte de rua, Bruscky também se correspondeu com membros do grupo Fluxus, montando uma das maiores coleções do Fluxus na América Latina. Neste volume, uma monografia particular do artista adequada à sua preferência pela mídia impressa, a obra de Bruscky é apresentada aos leitores por meio de comentários do escritor e crítico Adolfo Montejo Navas. Editado pela Associação do Patronato Contemporâneo – APC em parceria com a Cosac Naify, a publicação também inclui um CD com poemas sonoros e experimentais.

 

 

 

+ Informações

Organizador (es): Adolfo Montejo NavasAutor(es): Adolfo Montejo Navas/Paulo BrusckyFormato: Capa duraDimensões: 230 x 255 mmPáginas: 320Ilustrações: 450Peso: 1,730kgIdioma: bilíngue português/espanhol e inglês/espanholISBN (versão português): 978-85-405-0019-8ISBN (versão inglês): 978-85-405-0271-0Complemento: CD com poemas sonorosEdição: APC e Cosac NaifyValor: R$80,00
Apoio
Patrocínio
Edição
Realização